Sign In Forgot Password

Equipe

Para que possamos ter essa qualidade de profissionais, é preciso acima de tudo paixão com uma mescla de experiência, senso crítico e uma grande dose de profissionalismo e uma busca incessante em criar obras, sim, obras de arte, pois cada coreografia é como uma obra de arte, um quadro, uma escultura, uma instalação onde o artista, através de seus dançaarinos, consegue criar lindas peças, que cada espectador pode observar ou ver de maneira diferenciada com uma interpretação única.

E para que possamos trabalhar de tal maneira, com conforto, podendo explorar ao máximo nossas potencialidades é claro que precisamos de uma equipe integrada e comprometida, de profissionais e voluntários que acreditam no trabalho comunitário e na dança como meio educativo, cultural e artístico.

Fazem parte da família Zehut:

 

 

Patricia Knoplech 

Patrícia Knoplech é publicitária formada pela universidade Mackenzie há 18 anos, atuou em sua área por muito tempo e depois decidiu empreender assumindo o negócio de sua família. Se tornou uma empresária de sucesso, mas sempre conciliou sua empresa com a dança folclórica, sua paixão. 

Dançarina desde pequena no Colégio Renascença, fez parte de diversas lehakot representativas de grandes instituições judaicas como Or, Carmel, Eretz e desde o início da criação da Lehakat Zehut em 2015.  

Como coreógrafa e markidá, iniciou sua carreira em 1994 na Associação Brasileira “A Hebraica” de SP; assistindo, tralhando e aprendendo com grandes nomes e personalidades da Dança Folclórica Israelense. Participou de cursos, capacitações e festivais nacionais e internacionais durante os diversos anos dedicados a ensinar e passar seu amor pela dança. 

Em 2019 tornou-se oficialmente assistente da Lehakat Zehut e em 2020 assumiu como coreógrafa associada a direção do grupo com o principal desafio de seguir o legado deixado por seu antecessor e crescer dia a dia com o Zehut, como um grupo muito forte, maduro e unido pelo amor à dança folclórica isralense. 

 

 

Tamara Harpaz 

Tchatcha, como é conhecida, é formada em Educação Física e pós graduada em Psicologia do Esporte, já foi professora de dança isralense em diversas instituições da comunidade judaica, tais como Colégio Renascença, Beit Yacov e I.L.Peretz. Coreografou Lehakat Shalom da Hebraica por 7 anos, onde teve grande destaque por seu trabalho com adolescentes e jovens. Desde agosto de 2018 assumiu a direção da Lehakat Zehut Neurim e nestes últimos dois anos e meio criou um grupo unido, com coreografias marcantes e inspiradoras.

 

Renata Schilis 

Renata Schilis, é formada em direito pela FAAP, porém, seu amor e identidade pela dança israelense nasceram cedo, quando começou a dançar, aos 3 anos de idade na escola até chegar à Lehakat Carmel. 
Optou por abrir mão da carreira jurídica e dedicar-se à área da educação, iniciando outra graduação na área de pedagogia. 
Sua carreira profissional com Rikudei Am iniciou-se no Colégio I.L. Peretz e segue nessa área há mais de 10 anos como coreógrafa da escola Alef Peretz, Beit Yaacov e outras instituições judaicas, tanto na parte coreográfica quanto na parte de Harkadot. Desde 2017 trabalha, também, na coordenação de eventos/dança israelense. 
Sua maior paixão é passar a seus alunos a história, valores e tradições ligados ao judaísmo e a Eretz Israel através da música e da dança.

E agora, Re Schilis, como é conhecida, assume um novo desafio, que é liderar a Lehakat Zehut Neurim, da qual estará à frente a partir de janeiro de 2021.

Damos as boas vindas e estamos muito felizes em te-la em nossa família.

 

 

 

Alain Brandt Sinai 

Alain começou sua carreira como dançarino no movimento juvenil sionista da Hebraica, “Chevrat Neurim” em 1984 numa comemoração de Iom Haatzmaut de toda a comunidade judaica paulista. Sua paixão e dedicação cresceram, tendo participado das Lehakot Hakotzrim, Carmel, CBM e Shalom de Israel. Atuou como coordenador de danças na Hebraica por quase 15 anos, tendo dirigido e coordenado também Festivais Carmel e coreografado a Lehakat Carmel. Coordenou a área de danças no Colégio Hebraico Brasileiro Renascença e sempre foi convidado para criar e montar coreografias com Lehakot no Rio de Janeiro, Curitiba, Sao Paulo, Montevideo e Houston. 

Após muitos anos de trabalho foi convidado para trabalhar em espetáculos de teatro musical tais como Os Produtores, Hairspray, A Gaiola da Loucas, Cabaret, A familia Addams, O Rei Leao e O Fantasma da Opera. 

Em 2015, a convite de Carol Zyman, voltou a trabalhar com danças israelenses criando a Lehakat Zehut.

Recentemente mudou-se para a Holanda, mas continua como coordenador e diretor artístico do Departamento de Danças da Shalom.

 

 

Sabrina Steinecke 

Sabrina é Gerente Senior Tributária na Grant Thornton Brasil e lidera a área de International Tax. Advogada tributarista formada e pós graduada na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo – PUC/SP.

Com 39 anos, mãe de dois filhos e eterna apaixonada pela dança folclórica, dançou por 18 anos na Hebraica e após uma pausa de 10 anos voltou a dançar no Zehut.

Como voluntária foi madrichá no Hebraikeinu de jovens e adolescentes, por aproximadamente 10 anos e, atualmente atua como diretora voluntária do departamento de Danças da Comunidade Shalom. 

 

 

Debora Lewinski 

Debby, como é conhecida na Shalom, é sócia há 20 anos e nesta gestão atua como  diretora voluntária da área de sionismo e assumiu também a diretoria de danças.

Gosta muito da dança folclórica israelense e já dançou por muitos anos no grupo de pais do Colégio I.L. Peretz.

 

 

Além desta equipe temos o incondicional apoio do nosso querido Rabino Adrian, Leny, Miriam, Ebe, Flavia, Paula e o super Tony. Não podemos deixar de mencionar também todos os colaboradores da Shalom sem os quais nossa vida não seria tão confortável e agradável.

Fri, 23 April 2021 11 Iyyar 5781